A História do Ano Novo

copacabana14
A primeira comemoração ocorreu na Mesopotâmia por volta de 2.000 a.C. e era conhecida como “Festival de Ano Novo”.
Na Babilônia, a festa começava na primavera por ocasião do equinócio, ou seja: no ponto ou momento em que o Sol, ao descrever a eclíptica, corta o equador, fazendo com que os dias sejam iguais às noites.

No calendário atual, isto ocorre em meados de março (mais precisamente em 19 de março, data em que os espiritualistas comemoram o Ano Novo esotérico).
Os assírios, persas, fenícios e egípcios comemoravam o Ano Novo no mês de setembro (dia 23). Já os gregos, celebravam o início de um novo ciclo entre os dias 21 ou 22 do mês de dezembro.

Os romanos foram os primeiros a estabelecerem um dia para a comemoração desta grande festa (753 a.C.).
O ano começava em 1º de março, mas foi trocado em 153 a. C. para 1º de janeiro e mantido no calendário juliano, adotado em 46 a.C. Em 1582 a Igreja Católica consolidou a comemoração, quando adotou o calendário gregoriano.

Alguns países comemoram em datas diferentes. Na China, por exemplo, a festa da passagem do ano começa em fins de janeiro ou princípio de fevereiro. Durante os festejos, os chineses realizam desfiles e shows pirotécnicos.
No Japão, o Ano Novo é comemorado nos três primeiros dias de janeiro.

A comunidade judaica comemora sua festa de Ano Novo ou Rosh Hashaná, – “A festa das trombetas” -, em meados de setembro ou no início de outubro e dura dois dias.

Para os islâmicos, o Ano Novo é celebrado em meados de maio. A contagem corresponde ao aniversário da Hégira (que em árabe significa emigração), cujo Ano Zero corresponde ao nosso ano de 622. Nesta ocasião, o profeta Maomé deixou a Cidade de Meca estabelecendo-se em Medina.

 Réveillon significa despertar.
Desperte para um 2009 maravilhoso! Faça acontecer e se por acaso, você tropeçar e cair…  lembre-se: “Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima!!!”

Anúncios

About Flavita / Misaki

Meu nome é Flavia, mas tenho vários apelidos, dentre eles sou conhecida por Flavita, Hadassa, atualmente Misaki. Tenho 38 anos, sou carioca e um dos meus hobbies é a literatura...Adoro ler!!! Capricorniana, vivo me cobrando... Amo a Anne, minha filhota, por ela faço muitos sacrificios e não me arrependo... Sou geniosa às vezes, pode -se dizer que sou meio díficil de lidar, embora conheça pessoas piores... E como disse a queridíssa Clarice, faço das palavras dela, as minhas: "E se me achar esquisita, respeite também. até eu fui obrigada a me respeitar." Outra ocupação: Se vc estiver procurando uma revendodara Radha (Sidney de Oliveira) e não encontrou.... Eu sou uma, marque suas amigas na minha página.... http://rahda.com.br/catalogo/#cover]

4 responses to “A História do Ano Novo”

  1. Creuza Moura says :

    Feliz 2009 !!!!

    vc viu que te passei um MEME no meu blog? NÂO!!!
    Ah então vai lá conferir.

    Curtir

  2. Silvinha says :

    Flavita!!!
    Seu blog é 10, amo esse espaço.
    Q 2009 seja mil vezes melhor q 2008.
    felicidades pra vc e sua familia linda!!!
    Te adoro fofa!!!
    bjkas,
    Silvinha Romântica e Maldosa…rsrsrs

    Curtir

  3. Rafaela says :

    Flavita!
    Que esse ano que começa traga tudo de bom que a vida possa lhe oferecer!
    Mil beijos pra toda sua família!
    FELIZ ANO NOVO!!!
    Rafaela

    Curtir

  4. hadassahamy says :

    Minhas lindas!!!
    Agradeço de coração o carinho que sempre dispensam a mim… Vcs são incríveis!

    Bjkas

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: