Indagações apenas…

39

Prazer e dor, não são opostos…
Eles são vizinhos,
separados por uma linha tênue, por uma fração de segundo.
Por um minuto, você se sente como se tudo estivesse indo do seu jeito,
como se você estivesse pronto pra escalar a montanha mais alta,
pronto para o topo do mundo.
Mas no jogo da vida, você nunca sabe.
Você treina durante anos para ter um pouco de felicidade pessoal,
ou uma chance de estar cara a cara consigo e dizer:
“Aqui estou eu, mostre o seu melhor!”.
Então a competição começa e BANG,
você está no chão para a contagem, não é o seu dia, você deu o seu melhor…
Mas esse realmente foi o seu melhor?
Então você volta para casa com coração partido ou
você se levanta mais inteligente, mais sábio e mais forte do que antes…
É um novo dia, uma nova temporada, um novo você.
Você está esperando uma nova
porta abrir na sua frente.
“Será que a dor se tornará prazer novamente?”
Você está pronta para levar o maior golpe da sua vida e ficar de pé?
Eu não posso responder a essa pergunta, só por mim mesmo!
Na verdade só coloquei esse texto aqui para compartilhar que para se ter a felicidade,
aquela a quem sabemos é feita de momentos, muitas vezes instantes…
Só depende de nós mesmos, da decisão pessoal que iremos tomar…
Ser corajoso ou não? Fica a pergunta…
Bjs no Core!

Anúncios

Sem blogar há 2 anos e meio…

cansaço!
Não consegui blogar, escrever, nem nada do tipo, estava realmente estagnada.
Tem esse tratamento angustiado, esses remédios, a ansiedade e angústia em determinadas horas do dia.
Nem digitar eu consigo o que é uma lástima; Mas do que cansada estou. dessa doença infeliz e ingrata.

Depois de alguns anos, tentarei blogar….

Infelizmente nesses anos de ausência, muita coisa aconteceu…. Se por um lado tenho novidades interessantes por outro tenho cicatrizes enormes em mim, das quais eu mesmo procurei…. Reconhecer falhas talvez seja uma das tarefas mais díficeis na vida, embora sejam realmente necessárias…
Reconheço que dei pouco valor a pessoas que mereciam e até hoje merecem todo o meu respeito e gratidão, reconheço que só estou aqui, graças a essas pessoas, mas estou tentando compensá-las da maneira que posso… Sendo mais leal, mais amiga, mais gentil…
Por outro lado, a vida me colocou outras pessoas a quem tenho tentado ser melhor, tarefa árdua para alguém como eu.
 Com tudo isso aprendi algumas coisas.
o-arrependimento
Tipo: Talvez possamos um dia nos arrepender do que fizemos…

Mas o arrependimento é sinal de que não tivemos medo de tentar…
E daí se as coisas não deram certo como deveriam…?
E daí se não era bem o que queríamos?
E nossa vida segue… para tentarmos e errarmos muitas vezes…
Isso é viver e aprender.

Meu atual conselho seria…. Apesar de como minha avó diz, se conselho fosse bom, não se dava, vendia….
Procure os seus caminhos,
mas não magoe ninguém nessa procura.
Arrependa-se, volte atrás, peça perdão!
Não se acostume com o que não o faz feliz,
revolte-se quando julgar necessário.
Alague seu coração de esperanças,
mas não deixe que ele se afogue nelas.
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado,
comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o!

%d blogueiros gostam disto: