– Encontro Marcado

encontro-marcado
O que você faria se, de repente, começasse a escutar uma voz do além e, certo dia, essa voz se apresentasse como a morte em pessoa em sua biblioteca particular? E pior, se ela falasse que tem um acordo para fazer com você? É exatamente essa a proposta de Encontro Marcado, uma refilmagem do clássico Uma Sombra que Passa, de 1934, com Brad Pitt e Anthony Hopkins. Posso dizer que, sinceramente, o filme tem até uma mensagem bonita, principalmente para os fãs dos atores, já que aqui estão em boa forma.

William Parrish (Anthony Hopkins) é um empresário de sucesso, dono de sua própria companhia, prestes a fazer 65 anos de idade. Possui duas filhas, uma que organiza sua festa, mais velha e casada, e a mais nova, médica, chamada Susan (Claire Forlani), que é noiva do braço direito de William, o nojento Drew (Jake Weber). Toda a rotina de William muda quando, em um dia, um rapaz chega em sua casa dizendo ser a morte. William, após ter a prova do que o rapaz fala, aceita um trato: levar Joe Black (como a morte se apresenta, Brad Pitt) para conhecer o mundo em troca de alguns dias a mais de vida.

A partir daí, diversas situações são criadas. Susan havia conhecido Joe pela manhã em um café, Drew fica enciumado e começa a questionar diversos pontos de seu relacionamento com William e Susan por ciúmes de Joe, que começa a descobrir os prazeres da vida, enfim, tudo o que já era esperado. Nada de realmente impressionante acontece no filme, e aí está o seu primeiro ponto fraco. Talvez a única cena que realmente surpreenda é o fato de como (e quem) a morte escolhe e executa a posse do seu novo corpo. E mais nada, o resto é tudo previsível, clichê, só com um clima interessante em algumas vezes.
As atuações estão excelentes.

Essa é minha dica de mais um filme. Espero que vocês curtam e quem já assistiu, comente se gostou ou não do filme, ok?

One response to “– Encontro Marcado”

  1. Yara says :

    Bom esse filme, pelomenos pra mim, foi sim muito interessate quando Joe (a morte) se qpaixona por Susan a filha de Willian, o homem que iria mostrar por que as pessoas não querem morrer.
    E também achei muito bonito quando ele leva Willian mais deixa que o rapaiz que “a morte pegou o corpo inorestado” volte e conheça novamente Susan para que ela fique um pouco “FELIZ” pois perdeu o pai e um novo amor !

    Resumindo O FILME É OTIMO e vale a pena asistir.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: